Cadastrar-se
NOSSA PRÓXIMA
TRANSMISSÃO
INICIARÁ EM:
Você está aqui: HomeMensagemArt. 18. ACERCA DO MUNDO VINDOURO

Autores

Art. 18. ACERCA DO MUNDO VINDOURO

LINK PARA DOWNLOAD - https://mega.nz/#!QUkF0TjA!KRk1b00oOwiWSyFIP1Syo1sOcnLYVKHsjBQw78nBKGo

Este mundo caído mostra sinais de decadência cada vez maiores. Há, nos espaços intersticiais da matéria, uma lei que aponta para seu envelhecimento; a lei da entropia, que é uma espécie de bengala para quem sustenta a ideia trôpega da evolução do universo. Fica bem claro nos estudos da Física, que o Cosmo está em processo de caducidade, através da perda do quantum energético, que se vê na estrutura atômica.

A linguagem do profeta é contundente: Levantai os olhos para os céus e olhai para a terra embaixo, porque os céus desaparecerão como a fumaça, e a terra envelhecerá como um vestido, e os seus moradores morrerão como mosquitos, mas a minha salvação durará para sempre, e a minha justiça não será anulada. Isaías 51:6.

O profeta conseguiu enxergar há de 2.700 anos, que a terra estaria se torcendo e retorcendo. A terra cambaleará como um bêbado e balanceará como rede de dormir; a sua transgressão pesa sobre ela, ela cairá e jamais se levantará. Isaías 24:20. A figura mostra o enfraquecimento de sua ordem no sistema solar.

A agonia do planeta também pode ser vista pelo desmantelo que a espécie de Adão tem feito no meio ambiente. Não só a terra, mas todo o Cosmo geme e clama por uma restauração que alivie os seus estertores. Porque sabemos que toda a criação, a um só tempo, geme e suporta angústias até agora. Romanos 8:22.

“O astrofísicoamericano Toby Brow e sua equipe de astrônomos do Instituto Internacional de Pesquisa em Radioastronomia (ICRAR), na Austrália, observou 11 mil galáxias do universo próximo. Em várias delas, uma nuvem de gás com hidrogênio, hélio e quantidades menores de elementos mais pesados, que serve de matéria prima da formação de estrelas, estava sendo varrida para longe por uma espécie de aspirador de pó invisível”. A conclusão é que estas galáxias ficaram velhas e estavam desaparecendo.

Estes são os gemidos e ais do pecado global que atinge também os filhos de Deus que foram regenerados, no espírito, mas que ainda habitam num corpo fraco, caído e sujeito a todos os efeitos da queda. E não somente ela, mas também nós, que temos as primícias do Espírito, igualmente gememos em nosso íntimo, aguardando a adoção de filhos, a redenção do nosso corpo. Romanos 8:23.

É com este pano de fundo sombrio da decadência universal, que o povo de Deus aspira, intimamente, por novos céus e nova terra. Nós, porém, segundo a sua promessa, esperamos novos céus e nova terra, nos quais habita justiça. 2 Pedro 3:13.

(1) Cremos que o fim do mundo está se aproximando; Ora, o fim de todas as coisas está próximo; sede, portanto, criteriosos e sóbrios a bem das vossas orações. 1 Pedro 4:7. Contudo, alguém, precipitado, pode refutar assim: já se passaram 2000 mil anos e nada aconteceu. É verdade! Há, todavia, uma coisa, amados, que não deveis esquecer: que, para o Senhor, um dia é como mil anos, e mil anos, como um dia. 2 Pedro 3:8. Ou seja, de lá para cá, na cronologia de Deus, só passaram dois dias.

Veja como o escritor aos hebreus aborda o término desta criação caída. No princípio, Senhor, lançaste os fundamentos da terra, e os céus são obra das tuas mãos; eles perecerão; tu, porém, permaneces; sim, todos eles envelhecerão qual veste; também, qual manto, os enrolarás, e, como vestes, serão igualmente mudados; tu, porém, és o mesmo, e os teus anos jamais terão fim. Hebreus 1:11-12.

Por causa desta condição de envelhecimento, desgaste e definhamento do mundo físico, o povo de Deus tem os seus olhos na perspectiva de uma nova realidade proposta por Deus. Pois eis que eu crio novos céus e nova terra; e não haverá lembrança das coisas passadas, jamais haverá memória delas. Isaías 65:17.

Há um grito na garanta da igreja de Cristo: Maranata! Vem, Senhor! Desde que os discípulos viram a assunção do Senhor aos céus, existe uma expectativa urgente do Seu retorno físico, ao convívio pessoal de Sua igreja autêntica. Para ela, este mundo encontra-se bichado e corrompido, sem esperança de melhorar. Vem logo, Senhor Jesus!

Alguém disse, com sabedoria, que a certeza da segunda vinda de Cristo deve tocar e impregnar cada parte do nosso comportamento diário. As virgens tolas dormiram porque perderam de vista a viabilidade da promessa. A igreja que se distrai deste ponto, acaba se perdendo num ativismo louco com este mundo sem solução.

Duas coisas precisamos enfocar, como dizia C. H. Spurgeon: “o fato de que Jesus deve voltar, não é razão para ficarmos olhando para as estrelas, mas para trabalharmos no poder do Espírito Santo.” Somos o sal da terra e a luz no mundo, mas por outro lado, não podemos desconsiderar ainda, que tudo isto é transitório.

(2) que no último dia Cristo descerá do Céu; foi a notícia que os dois varões celestiais deixaram para a igreja do Senhor: Varões galileus, por que estais olhando para as alturas? Esse Jesus que dentre vós foi assunto ao céu virá do modo como o vistes subir. Atos 1:11. Foi por este motivo que o pregador inglês, do séc XVIII, George Whitefield dizia: Estou diariamente esperando a vinda do Filho de Deus.

Na mesma perspectiva de Whitefield, o precioso irmão, em Cristo e pregador fiel do Santo Evangelho, G. Campbell Morgan, afirmou: Nunca começo a trabalhar de manhã sem pensar que Ele talvez venha interromper meu trabalho e começar o Seu. Não estou esperando a morte - estou esperando por Ele. Maranata! Vem, Senhor Jesus!

Só reforçando: - A. W. Tozer foi preciso com a questão da morte; Deus cobrirá os olhos de todos os cristãos quando chegar a hora - eles nunca verão a morte. O cristão pára de respirar e há um funeral, mas ele não vê a morte, porque ele já morreu em Cristo, quando Cristo morreu, e ressuscitou com Cristo, quando Cristo ressuscitou.

Jesus passou pelo ventre cruel da morte, venceu-a totalmente, quando foi ressuscitado do seu domínio, pelo poder do Pai, e voltará outra vez para completar a sua obra plena da redenção dos nossos corpos. Eis que vem com as nuvens, e todo olho o verá, até quantos o traspassaram... Certamente. Amém! Apocalipse 1:7.

E, quando Ele vier, na segunda vez, haverá a completude de sua obra. Não vos maravilheis disto, porque vem a hora em que todos os que se acham nos túmulos ouvirão a sua voz e sairão: os que tiverem feito o bem, para a ressurreição da vida; e os que tiverem praticado o mal, para a ressurreição do juízo. João 5:28-29.

(3) e ressuscitará os mortos para receberem a retribuição final; Jesus disse: Eu sou a ressurreição e a vida. Quem crê em mim, ainda que morra, viverá;e todo o que vive e crê em mim não morrerá, eternamente. Crês isto? João 11:25-26. No primeiro advento, Deus escondeu sua divindade para provar os fiéis; no segundo advento, ele manifestará sua glória para recompensar-lhes a fé - disse Crisóstomo.

A ressurreição dos mortos, quer sejam os crentes ou incrédulos, será um fato, pois a Palavra é clara: tendo esperança em Deus, como também estes a têm, de que haverá ressurreição, tanto de justos como de injustos. Atos 24:15.

(4) que então se realizará uma separação solene; assim será na consumação do século: sairão os anjos, e separarão os maus dentre os justos, Mateus 13:49. Fica muito clara esta separação e consequentemente os resultados de suas convicções.

E ele enviará os seus anjos, com grande clangor de trombeta, os quais reunirão os seus escolhidos, dos quatro ventos, de uma a outra extremidade dos céus. Mateus 24:31. Alguém disse: Muitas pessoas ficarão surpresas quando Jesus voltar - mas ninguém será enganado. A Bíblia não esconde as consequências.

Quando vier o Filho do Homem na sua majestade e todos os anjos com ele, então, se assentará no trono da sua glória; e todas as nações serão reunidas em sua presença, e ele separará uns dos outros, como o pastor separa dos cabritos as ovelhas;e porá as ovelhas à sua direita, mas os cabritos, à esquerda; então, dirá o Rei aos que estiverem à sua direita: Vinde, benditos de meu Pai! Entrai na posse do reino que vos está preparado desde a fundação do mundo. Mateus 30-34.

(5) que os ímpios serão condenados ao castigo eterno e os justos serão recompensados com a bem-aventurança eterna; E irão estes para o castigo eterno, porém os justos, para a vida eterna. Mateus 25:46.

(6) que este julgamento fixará para todo o sempre o estado final dos homens no céu e no inferno, feito segundo os princípios da justiça; se a nossa injustiça traz a lume a justiça de Deus, que diremos? Porventura, será Deus injusto por aplicar a sua ira? (Falo como homem.) Certo que não. Do contrário, como julgará Deus o mundo? Romanos 3:5-6. O céu ficará cheio com os que creram no Senhor; o inferno, com os que permaneceram incrédulos. E, se alguém não foi achado inscrito no Livro da Vida, esse foi lançado para dentro do lago de fogo. Apocalipse 20:15.

Se somos crentes em Jesus Cristo, já passamos pela tempestade do juízo. Ela aconteceu na cruz, disse o evangelista Billy Graham. Isto significa que o crente não será mais condenado, embora, tenha que passar pelo trono branco para ser julgado segundo as suas obras santas, preparadas por Deus e registradas nos livros da biblioteca dos céus.

Vi um grande trono branco e aquele que nele se assenta, de cuja presença fugiram a terra e o céu, e não se achou lugar para eles. Vi também os mortos, os grandes e os pequenos, postos em pé diante do trono. Então, se abriram livros. Ainda outro livro, o Livro da Vida, foi aberto. E os mortos foram julgados, segundo as suas obras, conforme o que se achava escrito nos livros. Apocalipse 20:11-12.

“O homem envolvido com este mundo jamais estará preparado para o mundo vindouro, todavia, Jesus não orou para que seu Pai tirasse os cristãos do mundo, mas para que tirasse o mundo dos cristãos”, disse, com propriedade, J. Blanchard.

Aqui findamos a abordagem dos 18 artigos de fé da Pib Londrina. É assim que cremos e assim, pregamos. Respeitamos os que pensam diferente, mas esta é a linha doutrinária da igreja, e é neste leito que devemos nos conduzir. Fora deste padrão é rebeldia.

Por Glenio Fonseca Paranaguá
Categoria Mensagem
Dom, 08 de Outubro de 2017 14:19

Adicionar comentário


Última modificação em Ter, 10 de Outubro de 2017 08:25

Horários dos cultos

Quarta-Feira (Culto de Oração) às 15:00 hrs
Quarta-Feira (Reunião de Oração) às 19:30 hrs
Quinta-Feira (Tempo de Graça) 12:15 às 12:45 hrs
Sábado (Culto de Jovens) às 19:30 hrs
Domingo às 9:30 e às 18:30 hrs

Localização

mapa
Primeira Igreja Batista em Londrina
Avenida Paraná, 76A - Centro
Londrina - PR, 86020-360
+55 (43) 3372-8900
comunicacao@palavradacruz.com.br

icone_rss icone_face icone_twitter icone_vimeo icone_orkut icone_youtube

 

 

Confins da Terra
Home - - Contato
Copyright 2011 - PIB Londrina todos os direitos reservados.