Cadastrar-se
NOSSA PRÓXIMA
TRANSMISSÃO
INICIARÁ EM:
Você está aqui: HomeMensagemO ESCÂNDALO NO NOME DE JESUS

Autores

O ESCÂNDALO NO NOME DE JESUS

LINK PARA DOWNLOAD - https://mega.nz/#!0BFggA6Z!JBlXljgmu0slgYNBWxy0pn9rh4cK8wtFaQ70KpcLvTo

De todos sereis odiados por causa do meu nome. Lucas 21:17

Gostaria de começar o estudo de hoje com uma pergunta para que você a responda somente no seu coração:

Você alguma vez já sentiu vergonha por ter sido associado ao nome de Jesus?

Eu confesso que, por muitas vezes, senti vergonha desse nome.

Eu nasci num lar cristão e tive o privilégio de ouvir o Evangelho desde criança. Conhecia Jesus, sabia quem Ele era e que Ele era bom, e até mesmo orava todos os dias; mas eu sempre morri de vergonha Dele e procurava sempre manter em segredo esse “relacionamento” que eu tinha com Ele, como se isso fosse algo idiota ou errado.

Diante disso eu pergunto:

Por que que isso é assim? Por que o nome de Jesus me causa escândalo?

Como parte da resposta, a Palavra de Deus diz que: Os reis da terra se levantam, e os príncipes conspiram contra o SENHOR e contra o seu Ungido.... Salmos 2:2.

Existem diversas conspirações em curso no mundo, mas, sem dúvida, nenhuma delas é maior que a conspiração que existe contra a pessoa de Jesus. O mundo todo conspira contra esse nome, e essa conspiração, além de generalizada, também apresenta muitas faces e formas.

Existe a conspiração explícita, que é aquele tipo de conspiração aberta e pública, a exemplo daquela sofrida pelo próprio SENHOR e os seus apóstolos.

Temos também a conspiração política, que ocorre quando os detentores do poder estabelecem que falar em o nome de Jesus é algo politicamente incorreto. Esse tipo de conspiração pode ser observada no capítulo 9 de João, quando os fariseus, ofuscados pelo poder e autoridade de Jesus, mudam a política da sinagoga para tentar apagar a Luz Eterna que não se pode apagar.

A conspiração sutil, por sua vez, é, sem dúvida, a mais perigosa de todas as conspirações porque ela se apresenta disfarçada de algo bom. De forma dissimulada e sorrateira, ela se instala e nos dissuade, tal qual fez a serpente com Eva no princípio.

Como exemplo clássico da conspiração sutil contra o nome de Jesus, nós temos dois personagens mundialmente conhecidos: o coelhinho da páscoa e o papai noel.

Ainda no campo da conspiração sutil nós temos a própria religião que, travestida de algo bom, engana milhões de pessoas ao redor do mundo e ao longo da história, colocando no homem a responsabilidade pela sua salvação, anulando desta forma a obra de Jesus, e reduzindo assim a importância do seu nome.

A Palavra de Deus declara que o mundo conspira contra o nome de Jesus, e, por isso, esse nome sempre trará sérias implicações àqueles que o carregam, como o próprio SENHOR nos adverte: Se me perseguiram a mim, também perseguirão a vós outros; se guardaram a minha palavra, também guardarão a vossa. Tudo isto, porém, vos farão por causa do meu nome. João 15:20b-21a.

O outro motivo pelo qual nos escandalizamos no nome de Jesus é o fato de não O conhecermos.

A passagem da Bíblia em que Pedro nega Jesus é bastante conhecida, e foi muito impactante para mim.

Apesar de ter convivido com Jesus durante anos, Pedro não O conhecia de fato, e por isso O negou diante dos homens, mesmo tendo prometido a Jesus, momentos antes, que seguiria com Ele tanto para a prisão quanto para a morte.

Mas é justamente no fracasso de Pedro que nós vemos a Palavra de Deus operando em sua vida, e também é no seu fracasso que vemos Jesus sendo revelado a ele.

Então, prendendo-o, o levaram e o introduziram na casa do sumo sacerdote. Pedro seguia de longe. E, quando acenderam fogo no meio do pátio e juntos se assentaram, Pedro tomou lugar entre eles. Entrementes, uma criada, vendo-o assentado perto do fogo, fitando-o, disse: Este também estava com ele. Mas Pedro negava, dizendo: Mulher, não o conheço. Pouco depois, vendo-o outro, disse: Também tu és dos tais. Pedro, porém, protestava: Homem, não sou. E, tendo passado cerca de uma hora, outro afirmava, dizendo: Também este, verdadeiramente, estava com ele, porque também é galileu. Mas Pedro insistia: Homem, não compreendo o que dizes. E logo, estando ele ainda a falar, cantou o galo. Então, voltando-se o Senhor, fixou os olhos em Pedro, e Pedro se lembrou da palavra do Senhor, como lhe dissera: Hoje, três vezes me negarás, antes de cantar o galo. Então, Pedro, saindo dali, chorou amargamente. Lucas 22:54-62.

Essa expressão “chorou amargamente”, trata daquele choro que é decorrente de uma dor intensa no mais profundo da alma. Este choro de Pedro aconteceu porque, naquele momento, Pedro percebeu a sua insignificância diante da grandeza de Jesus. Qualquer outro homem no lugar de Jesus, ao ver Pedro fracassando, teria dito: Tá vendo? Não te falei que você iria me negar? Seu covarde! Mas Jesus, na sua grandeza, voltou-se para Pedro, e, fixando os olhos nele, sem precisar abrir a boca, disse a Pedro tudo o que ele precisava saber: “Pedro, eu te amo, e nada do que você fizer ou deixar de fazer vai mudar o meu amor por você”.

Pedro foi um dos discípulos mais próximos de Jesus e conviveu intensamente com Ele durante todo o Seu ministério; mas foi somente nesse dia, por meio daquele olhar, que Pedro finalmente conheceu o SENHOR. Antes disso ele apenas tinha conhecimentos acerca do SENHOR, mas, nesse dia, os olhos de Pedro viram a Jesus, o Cristo.

Jesus conhece o íntimo de cada coração e derrama o seu amor a cada um de nós de forma individual e pessoal. Logo depois de Sua ressurreição, Ele enviou um anjo a passar uma mensagem às mulheres que chegaram ao sepulcro: Ide, dizei a seus discípulos e a Pedro que Ele vai adiante de vós para a Galileia; lá o vereis, como ele vos disse. Marcos 16:7. O SENHOR sabia exatamente como estava o coração de Pedro depois do seu monumental fracasso e, prevendo que Pedro não se sentiria mais digno de ir ter com Ele, mandou chamá-lo pelo nome, promovendo assim o milagre do quebrantamento do coração por meio do amor.

Jesus, sendo Deus e, portanto, onipotente, teria poder suficiente para nos converter a Ele num piscar de olhos; contudo, Ele não faz isso através do seu poder, mas o faz através do Seu amor. Pois o amor de Cristo nos constrange. 2 Coríntios 5:14a.

Somente quem conhece Jesus é capaz de suportar as consequências que esse nome traz. E quando digo conhecer Jesus, não estou me referindo a ter conhecimentos acerca Dele; mas sim, conhece-Lo pessoalmente, como Pedro o conheceu naquele dia.

Quando o amor de Cristo nos constrange a amá-Lo, então nós deixamos o campo do SABER e entramos no campo da FÉ, e, somente depois de CRER, começamos a ENTENDER a Sua grandeza, e, somente então, passamos a enxergar o Seu nome como de fato ele é.

Chamando os apóstolos, açoitaram-nos e, ordenando-lhes que não falassem em o nome de Jesus, os soltaram. E eles se retiraram do Sinédrio regozijando-se por terem sido considerados dignos de sofrer afrontas por esse Nome. E todos os dias, no templo e de casa em casa, não cessavam de ensinar e de pregar Jesus, o Cristo. Atos 5:40-42.

Regozijar-se com açoites pode parecer loucura masoquista, e, de fato é, para os que se perdem; mas, para nós, os salvos, é um grande privilégio ser considerado digno de padecer por aquele que deu a Vida por nós.

Ditas essas coisas, gostaria de voltar àquela pergunta:

Por que o nome de Jesus nos causa escândalo?

A resposta é simples: Porque o mundo conspira contra o SENHOR, e, pelo fato de não conhecermos o SENHOR, sucumbimos às pressões e às conspirações do mundo.

Então conheçamos e prossigamos em conhecer ao SENHOR; como a alva, a sua vinda é certa; e ele descerá sobre nós como a chuva, como chuva serôdia que rega a terra. Oséias 6:3.

Se porventura acontece hoje com você aquilo que aconteceu comigo ontem; ou seja, se o seu conhecimento acerca de Jesus está limitado apenas ao campo do SABER e você gostaria de passar para o campo do CRER, então o próprio SENHOR te diz:

Pedi, e dar-se-vos-á; buscai, e achareis; batei, e abrir-se-vos-á. Pois todo o que pede recebe; o que busca encontra; e a quem bate, abrir-se-lhe-á. Qual dentre vós é o pai que, se o filho lhe pedir pão, lhe dará uma pedra? Ou se pedir um peixe, lhe dará em lugar uma cobra? Ou, se lhe pedir um ovo lhe dará um escorpião? Ora, se vós, que sois maus, sabeis dar boas dádivas aos vossos filhos, quanto mais o Pai celestial dará o Espírito Santo àqueles que lho pedirem? Lucas 11: 9-13.

Quem tem ouvidos para ouvir ouça a voz do SENHOR, porque Ele é fiel à Sua Palavra e não pode negá-la. Buscai, porque é certo que achareis.

Por fim, gostaria de encerrar com um texto onde Deus Pai dá a Sua perspectiva acerca do Nome de Jesus:

Tende em vós o mesmo sentimento que houve também em Cristo Jesus, pois ele, subsistindo em forma de Deus, não julgou como usurpação o ser igual a Deus; antes, a si mesmo se esvaziou, assumindo a forma de servo, tornando-se em semelhança de homens; e, reconhecido em figura humana, a si mesmo se humilhou, tornando-se obediente até à morte e morte de cruz. Pelo que também Deus o exaltou sobremaneira e lhe deu o nome que está acima de todo nome, para que ao nome de Jesus se dobre todo joelho, nos céus, na terra e debaixo da terra, e toda língua confesse que Jesus Cristo é Senhor, para glória de Deus Pai. Filipenses 2:5-11.

Eu já senti vergonha pelo nome de Jesus, mas, pela graça de Deus, as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo. 2 Coríntios 5:17b.

Que o Nome de Jesus seja louvado e engrandecido pelos séculos dos séculos.

Amém.

Por Marcio Mizubuti
Categoria Mensagem
Dom, 21 de Maio de 2017 08:25

2 comentários

  • Link o comentário nuria alice Mira Ruelis Dom, 21 de Maio de 2017 15:45 postado por nuria alice Mira Ruelis

    Apenas o Espirito Santo pode ter inspirado este estudo do irmão Marcio Mizubuti, glorias pois a Ele!!! A simplicidade do estudo, a profundidade da Palavra e o seríssimo questionamento que conduz cada um de nos a refletir no
    que fazemos com o nome de Jesus foram, certamente, inspirados pela graca e pela verdade que so Nele existem.
    Eu ja havia lido previamente o estudo e sido edificada.
    A exposição do irmão, no entanto, so aumentou minha gratidão ao Pai por Sua própria vida nesse filho: aleluias!
    Que o Senhor permita que muitos outros estudos sigam,
    recados do Pai das luzes para cada um de nos. E que não fujamos de Seu amor, como Ele mesmo afirmou apôs as 3 negações de Pedro. Amem!

    nuriaruelis@hotmail.com
  • Link o comentário Letícia Rocha Menegon Sáb, 03 de Junho de 2017 17:15 postado por Letícia Rocha Menegon

    Alice, ratifico suas palavras. Sabemos que nosso Deus usa aqueles que não precisam de vãs filosofias.

    leticiasocial@yahoo.com.br

Adicionar comentário


Última modificação em Ter, 23 de Maio de 2017 08:42

Horários dos cultos

Quarta-Feira (Culto de Oração) às 15:00 hrs
Quarta-Feira (Reunião de Oração) às 19:30 hrs
Quinta-Feira (Tempo de Graça) 12:15 às 12:45 hrs
Sábado (Culto de Jovens) às 19:30 hrs
Domingo às 9:30 e às 18:30 hrs

Localização

mapa
Primeira Igreja Batista em Londrina
Avenida Paraná, 76A - Centro
Londrina - PR, 86020-360
+55 (43) 3372-8900
comunicacao@palavradacruz.com.br

icone_rss icone_face icone_twitter icone_vimeo icone_orkut icone_youtube

 

 

Confins da Terra
Home - - Contato
Copyright 2011 - PIB Londrina todos os direitos reservados.